Site oficial do Governo do Estado do Rio de Janeiro

Policiais recebem prêmio do Sistema Integrado de Metas da Secretaria de Segurança

A chefe de Polícia elogiou a atuação dos policiais e destacou a importância da integração entre as policias

25/9/2012 - Camila Donato

 

Sete mil oitocentos e cinquenta e sete policias civis e militares foram premiados, nesta terça-feira (25/09), pelo Governo do Estado por terem conseguido reduzir os índices estratégicos de criminalidade no Estado, no primeiro semestre de 2012. A homenagem, realizada no Teatro João Caetano, faz parte do Sistema de Metas da Secretaria de Segurança que visa reduzir os indicadores de Letalidade Violenta (Homicídio Doloso, Auto de Resistência, Latrocínio e Lesão Corporal seguida de Morte), Roubo de Veículo e Roubo de Rua (Roubo a Transeunte, Roubo de Celular e Roubo em Coletivo).

Para o governador Sérgio Cabral a integração entre as polícias traz bons resultados para a sociedade. “Vocês enxergaram que não é primeiro a Polícia Civil, ou primeiro a Polícia Militar. Primeiro é a sociedade, primeiro é o cidadão que não quer saber de quem é a iniciativa, ele quer saber qual é o resultado. Isso coloca o Rio de Janeiro não mais como o segundo colocado nos índices de homicídio no Brasil e sim como o décimo sétimo lugar. Isto se deve a Polícia, porque sem vocês nada disso seria possível. Que essas conquistas se repitam em todos os semestres”, declarou ele.

A premiação é dividida em três níveis: para as Regiões Integradas de Segurança Pública (RISP), paras as Áreas Integradas de Segurança Pública (AISP) e para as unidades especializadas. Todos os policiais das unidades que atingiram a meta de redução vão receber uma gratificação que varia entre R$3 mil e R$9 mil, além do reconhecimento pelo serviço prestado à sociedade.

 

“Estamos aqui não para parabenizar todos os policias, mas para condecorar aqueles que tiveram um bom desempenho. Saio muito feliz daqui hoje, porque pude reparar e o Governar também em uma faixa de moradores do Catete e Glória que estão aqui para agradecer a Polícia Civil e Militar daAISP. O reconhecimento do povo do Rio de Janeiro é muito importante para todos nós, por que são eles os destinatários do nosso trabalho”, destacou a chefe de Polícia Martha Rocha, durante discurso de premiação.

O evento contou ainda com a presença do vice-governador e coordenador Executivo dos Projetos e Obras de Infraestrutura do Estado, Luiz Fernando Pezão, do Presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (ALERJ), deputado Paulo Melo, do subsecretário de Planejamento e Integração Operacional da Secretaria de Segurança, Roberto , do diretor-Presidente do Instituto de Segurança Pública (ISP), Cel PM Paulo Augusto Souza Teixeira, do comandante Geral da PM, Erir Ribeiro Costa Filho, entre outras autoridades.

 

Melhores índices de 2012

 

A Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) foi a primeira colocada entre as unidades especializadas da Polícia Civil, seguida pela Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE). na Polícia Militar foram agraciados os policiais do Batalhão de Ações com Cães (BAC) e Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv).

O Sistema Integrado de Metas premiou com R$ 9 mil os agentes de segurança da Área Integrada de Segurança Pública (AISP 2) que alcançaram a primeira colocação, atingindo 105 pontos. Foram contemplados policiais lotados na 9ª DP (Catete) e 10ª DP (Botafogo) e no 2º BPM (Botafogo).

Em segundo lugar foi premiada a AISP 4, que compreende a 6ª DP (Cidade Nova), a 17ª DP (São Cristóvão) e a 18ª DP (Praça da Bandeira) e o 4º BPM (São Cristóvão). Os policiais alcançaram 99 pontos e receberam o bônus de R$ 6 mil cada.

A terceira posição ficou com AISP 38, que abrange a 107ª DP (Paraíba do Sul), a 108ª DP (Três Rios) e a 109ª DP (Sapucaia) e o 38º BPM (Três Rios). Os agentes dessa área integrada receberam o bônus de R$ 4,5 mil por terem atingido 93.

 

Cumprimento de metas

 

Também foram premiados os policiais que cumpriram as metas estabelecidas pela Secretaria de Segurança para reduzir os indicadores de criminalidade e receberão gratificações, no valor de R$ 3 mil para cada policial. São elas:

Aisp 6 – 6º BPM (Tijuca), 19ª DP (Tijuca) e 20ª DP (Vila Isabel).

Aisp 17 – 17º BPM (Ilha do Governador) e 37ª DP (Ilha do Governador).

Aisp 22 – 22º BPM (Maré) e 21ª DP (Bonsucesso).

Aisp 26 – 26º BPM (Petrópolis), 105ª DP (Petrópolis) e 106ª DP (Itaipava).

Aisp 27 – 27º BPM (Santa Cruz), 36ª DP (Santa Cruz) e 43ª DP (Guaratiba).

Aisp 33 – 33º BPM (Mambucaba), 165ª DP (Mangaratiba), 166ª DP (Angra dos Reis), 167ª DP (Paraty) e 168ª DP (Rio Claro).

- Serviço de Análises de Rotinas Policiais e Monitoramento (SARPM)

- Corregedoria Interna da Polícia Civil (COINPOL)

- Núcleo de Pesquisa em Justiça Criminal e Segurança Pública (NUPESP), do Instituto de Segurança Pública (ISP).

 

Integração

 

Durante a solenidade policias militares do Estado de Minas Gerais foram homenageados com o prêmio integração, por ações integradas nas divisas do Rio de Janeiro com o Estado de Minas Gerais no combate a criminalidade.

 

Mudanças nas regras

 

Em discurso durante o evento o subsecretário Roberto explicou as mudanças que ocorrerão na premiação para o próximo semestre, visando gratificar mais policias que atingirem as metas de redução de índices de criminalidade.  “A partir de 1º janeiro 2013 teremos novo método de premiação. Um dos objetivos e redução da criminalidade no ciclo de seis meses. São três indicadoresTemos que buscar a redução sistemática desses três indicadores que são considerados e reconhecer dentro de alguns limites, o esforço de cada um nessa redução. O desempenho acima de 90 %, desde que o Estado tenha atingido sua meta, será recompensado, explicou Roberto .

Clique para ver outras imagens



..:: Voltar ::..

Policia Civil do Estado do Rio de Janeiro - 2009

Rua da Relação, 42 - Centro - Rio de Janeiro / Atendimento: 2332-9751 / 9844 / email: ascompcerj@gmail.com / Assessoria de Comunicação: 2332-9930