Site oficial do Governo do Estado do Rio de Janeiro

Autores de homicídio são presos em ação rápida da policia civil

Os criminosos queriam roubar o dinheiro da represente comercial

11/2/2010 - Miziara

Marcos Paulo Rezende e Marcelo Cirino dos Santos,

Em pouco mais de 72 horas, policiais civis da 99ª (Itatiaia) prenderam, na tarde desta quarta-feira (10/02), os autores do assassinado da representante comercial, Ana Paula de Carvalho, 24 anos. O corpo da vítima foi encontrado, na manhã de segunda-feira (08/02), em um matagal, no bairro Jardim das Rosas, em Penedo (Itatiaia), com duas perfurações, no pescoço e no peito, além de sinais de violências sexuais.

Os envolvidos no crime são o padeiro Marcos Paulo Rezende, 30 anos; o servente Marcelo Cirino dos Santos, 22, e um menor de 17 anos. Todos residem no bairro Itapuca, em Resende. Segundo os agentes, o caso começou a ser desvendado no dia seguinte ao crime, quando foi pedida à Justiça a quebra do sigilo telefônico do celular da vítima.

A polícia descobriu que Marcelo Cirino emprestava o celular para que Marcos fizesse as ligações para a vítima, com a desculpa de comprar plano de saúde. Durante a investigação, os policiais levantaram que o mentor do crime seria Marcos Paulo. Segundo os agentes, ele conhecia a família de Ana Paula há alguns anos e frequentava a casa da família, sendo que o pai dela o tratava como um familiar e, inclusive, teria lhe ensinado o ofício de padeiro.

Os inspetores apuraram que uma das motivações do crime seria o fato de a representante comercial ter certa quantia em dinheiro em banco. De acordo com os policiais, Marcos teria decidido praticar o crime, chamando mais dois conhecidos para participar da ação e dividir o dinheiro.

Na delegacia, Marcos ainda tentou negar a participação no crime. No entanto, Marcelo e o adolescente disseram que ele seria o mentor do crime e que em sua casa, na Rua Hostílio de Souza, também na Itapuca, teria sido feita até uma cova rasa onde o corpo de Ana Paula poderia ser enterrado. Os policiais foram até o local e confirmaram a veracidade das informações.

A cova foi feita no quintal atrás da casa onde Marcos morava com a mulher, que não era cimentado. De acordo os agentes, a ideia inicial de Marcos era atrair Ana Paula para sua casa, onde junto com os outros dois acusados tentariam fazer com que ela lhes entregasse o cartão do banco e a senha, mas acabaram decidindo praticar o crime em local ermo, próximo à Pousada Tapera, no Jardim das Rosas.

O adolescente foi encaminhado para o Instituto Padre Severino, na Ilha do Governador, no Rio. Marcos e Marcelo foram encaminhados para a carceragem da Polinter, onde aguardarão decisão da Justiça. Eles vão responder por latrocínio e estupro.



..:: Voltar ::..

Policia Civil do Estado do Rio de Janeiro - 2009

Rua da Relação, 42 - Centro - Rio de Janeiro / Atendimento: 2332-9751 / 9844 / email: ascompcerj@gmail.com / Assessoria de Comunicação: 2332-9930